INÍCIO /// REGIÕES
 
 
 
 
 
Chefe Regional, Pedro Cruz com o Chefe Nacional, Norberto Correia nas comemorações dos 90 anos da região.
Artigo publicado a 2016-11-16 /// 1039 visualizações
 
Conselho Regional dedicado aos 90 anos da região de Viseu
O auditório do Centro Social e Paroquial de São José, acolheu mais um Conselho Regional, dedicado aos 90 anos da região.
Marcaram presença no Conselho Regional 132 conselheiros. Os 90 anos de Escutismo na região de Viseu mereceram a presença de outros elementos: Chefe Nacional, Equipas Candidatas à Junta Central e familiares de “antigos” Escuteiros.

Tudo isto, para honrar e comemorar uma data, que o Chefe Regional de Viseu, Pedro Cruz defendeu ser “marcante e celebrada condignamente”.

O Chefe Nacional Norberto usou da palavra e para ele “celebrar o passado é um serviço de nostalgia útil que só tem interesse se servir de alavanca para o futuro”. Acredita que “só é digno do presente quem honra o passado” e pediu em jeito de conclusão que todos os presentes tivessem “força para continuar esta missão do Escutismo... que é a mais nobre que podemos ter”.

Boas-vindas feitas, através de um vídeo, reavivaram-se memórias, com atividades e dirigentes que fazem parte da história do Escutismo em Viseu. Familiares dos que já partiram para o “Eterno Acampamento” e chefes ainda no ativo, todos com um papel destacável para o escutismo da região, tiveram tempo e espaço para testemunhar ou partilhar algo que em tempos viveram.

Entre pedidos para “que o Escutismo nunca esmoreça” e agradecimentos a B-P “por nos deixar a possibilidade de conseguir”, houve quem afirmasse: “o Escutismo valeu-me no trabalho, na escola, na vida”.

O Conselho Regional ficou ainda marcado por momentos memoráveis como a atribuição de uma Medalha de Campo ao Candidato a Dirigente Paulo Costa, pela prestação no Rover Ibérico 2015 como Caminheiro; a distinção com um louvor regional ao Chefe Paulo Esteves pela organização da última Concentração Regional e o Campo de Atividades Escutistas de Viseu ter sido reconhecido como um “Centro Escutista de Excelência”.

Durante o Conselho conheceram-se os vencedores do concurso para a Insígnia Comemorativa dos 90 anos da região: Patrulha Esquilo, do agrupamento 700, Vildemoinhos. Avaliadas foram 31 propostas de 6 agrupamentos diferentes.

Com o agrupamento de Nelas a interpretar o Hino da região, seguiram-se as Listas candidatas aos órgãos nacionais do CNE ocuparem também o Conselho para se apresentarem e responderem a dúvidas e perguntas.

O Plano de Atividades e Orçamento 2016/2017 foi aprovado e propostas de alteração ao regulamento do FAPANI (fundo regional para apoio a atividades internacionais) discutidas.

Texto de: Maria Sousa. Fotografia de: Paulo Santos.
 
Bookmark and Share