INÍCIO /// REGIÕES
 
 
 
 
 
Caminheiros reunidos em encontro regional.
Artigo publicado a 2017-02-17 /// 298 visualizações
 
Encontro de Guias da IV
Guias Caminheiros da região do Porto preparam-se para, no futuro, cada vez mais, assumir papeis de liderança no movimento e na sociedade.
Organizado pela Equipa Regional Pedagógica de Caminheiros e Companheiros da Junta Regional do Porto, realizou-se na Escola Básica nº. 2 de Santa Maria da Feira, com a presença de 70 Caminheiros, representado 28 Agrupamentos da Região, a edição 2017 do Enquarta.

Quatro Workshops dirigidos a caminheiros, em que cada momento foi associado a uma das viagens de Paulo, criando um espaço de partilha das dificuldades que o guia experiencia, associando a estas, estratégias de resolução.

Como moderar os conflitos que existem na própria Tribo, como identificar possíveis conflitos entre guias e elementos e chefes de Clã e como gerir os conflitos que surgem estabelecendo uma liderança e estilo de comunicação adequados; promover a compreensão e o desenvolvimento do sistema de progresso como motivação para o crescimento e realização pessoal dos Caminheiros/Companheiros; reconhecer a importância do desafio no progresso individual do caminheiro na etapa final do seu percurso.

Foi ainda trabalhado com os caminheiros presentes a atividade regional de referência para caminheiros, a realizar em dezembro do corrente ano, tendo estes contribuído para o enriquecimento do modelo pedagógico da mesma.

Durante o dia a equipa internacional da Região apresentou as oportunidades de participação em dinâmicas e atividades internacionais.

Paralelamente ao Enquarta, foi dinamizado junto dos 25 elementos das equipas de animação da IV que participaram na primeira edição do Conversas Contigo, um espaço de formação mas que na sua essência traz a necessidade de conhecer e refletir para um agir que se pretende informado e ajustado.

O primeiro tema centrou-se nos direitos e deveres dos caminheiros, identificando os níveis de participação destes e enquadrando o seu envolvimento; como promover esse envolvimento e que dinâmicas implementar que possibilitem a interação e o envolvimento dos Caminheiros na definição e enriquecimento das Atividades.

Texto de: Cristina Ribeiro e Manuel Joaquim. Fotografia de: Manuel Joaquim.
 
Bookmark and Share