INÍCIO /// ACTUALIDADE
 
 
 
 
 
Apoio aos peregrinos perdidos.
Artigo publicado a 2017-05-14 /// 3526 visualizações
 
Fátima contou com apoio fundamental dos escuteiros na área da Proteção Civil
A operação da Proteção Civil contou com o apoio de 54 escuteiros durante a visita do Papa Francisco.
A Alta Autoridade da Proteção Civil contou com o apoio dos escuteiros durante a visita do Santo Padre a Fátima. Este tipo de operações não são novidade para os nossos escuteiros, no entanto, houve a necessidade redimensionar e acrescentar algumas tarefas a esta missão. Missão esta que incide sobre o apoio ao peregrino, apoio direto ao peregrino perdido, dando-lhe toda a orientação necessária, como nos explicou o chefe do departamento nacional da Proteção Civil (DNPC) do CNE, João Pinheiro.

João Pinheiro reforçou ainda que a missão DNPC não se restringe somente à operação Fátima, esta sim é uma parte mais visível da nossa participação e colaboração.

Ao visitarmos o Centro Tático de Comando (Cetac) o Comandante Nacional Operacional da Proteção Civil, Rui Esteves identificou como fundamental o trabalho desenvolvido com os escuteiros "A colaboração, a ajuda, integração e articulação do CNE não só nesta operação, mas em todas as outras é fundamental, pelo conhecimento e razão de ser, depois pela forma que têm de lidar com o ser humano e por fim os escuteiros podem muito bem ajudar em situações, onde não estamos a alocar operacionais especializado".

Esta missão terminou com indicadores positivos, pois os casos identificados foram resolvidos com sucesso.

Podes rever o trabalho desenvolvido aqui.

Texto de: Susana Micaela Santos. Fotografia de: Daniel Ribeiro.
 
Bookmark and Share