INÍCIO /// NACIONAL
 
 
 
 
 
Rover100 fechou ciclo de celebrações do Centenário do Caminheirismo
Artigo publicado a 2019-08-17 /// 604 visualizações
 
Rover100 encerra celebrações do Centenário do Caminheirismo em festa
O Rover 100 terminou ontem, com o pico das celebrações do Centenário do Caminheirismo. Mais de 1300 pessoas estiveram em S. Jacinto para fazer parte do Arrayal do Centenário.
Um dos momentos altos foi a entrega do Colar de Nuno Álvares, a mais alta condecoração do CNE a José António Ferreira, dirigente do agrupamento de Louro, Região de Braga, que foi o Coordenador da equipa Construtores Rover100 (a Equipa Coordenadora do Rover100).

A festa contou ainda com a presença da Banda Plástica de Barcelos e dos The Hangover Band, de Coimbra.

No Arrayal do Centenário estiveram presentes os Caminheiros e Companheiros a participar no Rover100 e ainda alguns escuteiros que se inscreveram apenas para este momento da atividade. Além disso, o evento contou ainda com a presença do Vereador da Juventude da Câmara Municipal de Aveiro, João Machado, o Presidente da Junta de S. Jacinto, António Aguia, as chefias nacionais do Corpo Nacional de Escutas (CNE) e da Associação de Escoteiros de Portugal, João Armando Gonçalves, antigo Presidente do Comité Mundial de Escutismo e vários chefes regionais do CNE.

O Rover100 decorreu em Aveiro, de 10 a 17 de agosto. Durante 3 dias, os cerca de 1200 Caminheiros e Companheiros estiveram integrados em mais de 25 comunidades locais da Região de Aveiro, onde fizeram várias ações de serviço. No restante tempo, os participantes estiveram acampados em S. Jacinto, dividindo o tempo entre o centro de Aveiro e S. Jacinto, a descobrir locais e tradições e a explorar o Caminheirismo.

O Rover100 encerrou, assim, as celebrações do Centenário do Caminheirismo.

Texto de: Rita Oliveira. Fotografia de: Pedro Barreiros
 
Bookmark and Share