INÍCIO /// NACIONAL
 
 
 
 
 
Representação do Corpo Nacional de Escutas na canonização do Beato Nuno de Santa Maria em Roma
Artigo publicado a 2009-10-06 /// 1229 visualizações
 
Canonização de S. Nuno Alvares Pereira
Duas Centenas de Escuteiros Portugueses nas Cerimónias na Praça de S. Pedro.
"Sinto-me feliz por apontar à Igreja inteira esta figura exemplar nomeadamente pela presença de uma vida de Fé e Oração em contextos aparentemente pouco favoráveis à mesma, sendo a prova de que em qualquer situação, mesmo de carácter militar e bélica, é possível actuar e realizar os valores e princípios da vida Cristã... considerai o êxito da sua carreira e imitai a sua Fé...".

Foi com estas palavras, que no passado domingo dia 26 de Abril, no final da celebração, Bento XVI se dirigiu reconhecidamente à comunidade portuguesa presente na Praça de S. Pedro, onde não passaram despercebidos entre os milhares de fiéis, as duas centenas de escuteiros do Corpo Nacional de Escutas, na sua presença alegre, orgulhosa e expressiva. Também para o C.N.E. este foi um momento único, em que viu ser reconhecido pela canonização, aquela personagem que escolhera para seu Patrono. Por essa razão, a Junta Central colocou à disposição da Associação a possibilidade de voar até Roma, fretando um avião para o efeito. Durante a estadia, houve ainda possibilidade dos escuteiros participarem numa oração na Basílica de S. Paulo Extra Muros, visitarem o centro de Roma e o Vaticano, e participarem numa Vigília de Oração na Igreja de Santo António dos Portugueses presidida pelo Patriarca de Lisboa D. José Policarpo. Momento singular este, para a Igreja Católica Portuguesa e para o Movimento Escutista Católico Português, que vê chegar aos altares canonizado o "Santo Condestável".

Texto: José Filipe Pinheiro /// Fotografia: Gonçalo Vieira
 
Bookmark and Share